Obrigações tributárias: Por que ela é tão importante para sua empresa?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

obrigações tributárias

Independentemente do segmento ou porte, todas as empresas possuem obrigações tributárias, que precisam de um gerenciamento efetivo para evitar que a companhia sofra com a grande quantidade de impostos praticados no Brasil. Sem um acompanhamento contínuo e especializado, a sua empresa pode acabar pagando mais tributos do que precisa, além de correr o risco de ser penalizada com a cobrança de juros e multas devido os atrasos no pagamento.

Para abordamos esse assunto, separamos a seguir outros pontos que evidenciam a importância das obrigações tributárias para o seu negócio. Confira!

Identificação correta da atividade exercida e do regime tributário

Como vimos acima, todas as companhias possuem obrigações tributárias, porém, para cada atividade exercida, os tributos são diferentes. Para evitar o pagamento desnecessário de impostos e não correr o risco de cometer irregularidades, é necessário informar ao CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) os dados corretos da sua atividade, pois é desse registro que sairá a base para que os órgãos públicos calculem o valor dos tributos a serem pagos pela sua companhia.

Qualquer informação errada ou o enquadramento equivocado no regime tributário pode fazer com que a sua empresa pague impostos mais elevados, prejudicando consideravelmente o seu progresso.

Uma dica para não errar ao fornecer essas informações e ao enquadrar a sua empresa no melhor regime tributário, é contar com o suporte de empresas ou profissionais especializados no setor tributário.

obrigações tributárias

Saiba por que as obrigações tributárias são importantes para a sua empresa

Como todas as empresas possuem obrigações tributárias com o governo, é fundamental que elas sejam cumpridas em dia para evitar que a corporação tenha problemas com o Fisco, órgão responsável por analisar os detalhes das documentações fiscais e tributárias das empresas.

Apesar das obrigações tributárias estarem presentes na rotina das companhias, é comum ter casos de negligência, que comprometem o desenvolvimento do negócio. Para evitar problemas com a fiscalização, as empresas precisam se organizar para que todos os valores recebidos e pagos pela corporação sejam registrados e arquivados pelo período de cinco anos.

Para manter a organização das obrigações tributárias, é fundamental que companhia tenha um software de gestão ou um parceiro terceirizado para realizar a administração desses documentos. Além de fugir dos problemas com a fiscalização e ficar em ordem com os tributos, permite que os empreendedores planejem os investimentos futuros, tendo um controle mais efetivo sobre o seu fluxo de caixa.

Conheça os principais tributos pagos pelas empresas no Brasil

Para se manter ativas no mercado e dentro da lei, as empresas precisam arcar com uma série de obrigações tributárias. A seguir, listamos os principais tributos pagos pelas micro e pequenas empresas no Brasil:

Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ):

Esse imposto é cobrado sobre o produto do capital produzido pela companhia e só é exigido das empresas optantes pelos regimes Lucro Real, Lucro Presumido e Lucro Arbitrado.

Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL):

O tributo é destinado a contribuição do financiamento da seguridade social, válido para as companhias enquadradas no Lucro Real e no Lucro Presumido.

Programa de Integração Social (PIS):

Essa é uma das obrigações tributárias cujo o foco é financiar o pagamento de seguro desemprego e abono aos trabalhadores que ganham até dois salários mínimos.

Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins):

Essa contribuição incide sobre a receita bruta das empresas, e o objetivo é financiar a seguridade social. O imposto é cobrado das companhias optantes pelo Lucro Presumido.

Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI):

Esse tributo é cobrado sobre produtos nacionais e importados, e a base de cálculo varia de acordo com a transação. A alíquota também muda conforme o produto.

Você conferiu no artigo de hoje a importância das obrigações tributárias para a sua empresa. Para continuar por dentro do assunto, veja em nosso blog o post que traz dicas de como se organizar para não ter dor de cabeça com as obrigações fiscais.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×